sábado, 14 de janeiro de 2017

Resenha - A espada de Quenai de Ricardo Santos

Não sou um grande fã de contos. Prefiro romances completos pela possibilidade de conhecer melhor os personagens e o mundo descrito, principalmente quando o tema é fantasia.

Por outro lado, os contos são uma oportunidade de conhecermos escritores sem que se precise investir grandes somas em um livro inteiro. Já havia lido um conto do autor Ricardo Santos na coletânea "Estranha Bahia" e agora tenho em mãos um trabalho solo.

Capa:
Várias coisas ficam claras logo ao se ver a capa do conto. Quenai é uma mulher negra e guerreira, já que ela possui uma espada. Ou seja, a capa passa muito bem o que veremos no conto.

Resenha: Não é fácil resenhar um conto sem dar spoilers, por isso seremos sucintos. A história narra uma batalha da nossa personagem. O importante é analisar como é narrada.

Bastante real: É comum vermos batalhas na ficção onde os personagens aguentam muito os ferimentos. Fulano está com a perna quebrada, mas continua pulando. Nesse conto, você sente os ferimentos e eles realmente atrapalham as próximas ações do combate.

Atiçou a curiosidade: Sabemos muito pouco sobre Quenai, sua história e a de sua espada. O conto serviu para me fazer querer mais sobre a personagem.

Mas me deixou um pouco perdido: Por ser um conto, não dá tempo de o autor explicar as referências que faz, geográficas, religiosas, familiares, etc. Você precisa desligar a lógica e simplesmente acreditar, pois não tem como chegar a um entendimento completo só pelo conto. Aguardemos pelo livro completo.

Funcionou: A espada de Quenai cumpriu seu propósito de divulgar o trabalho do autor. É bem escrito e organizado, deixando uma boa impressão para quando ele lançar uma obra completa nesse universo. Nota 3. Bom.

Para quem se interessar, o conto pode ser encontrado na Amazon: A Espada de Quenai
Postar um comentário