segunda-feira, 15 de agosto de 2016

Resenha - Memórias de Sherlock Holmes por Arthur Conan Doyle


Sherlock Holmes ultrapassa os limites da literatura. 
O personagem é tão emblemático que até nos dias atuais ainda há aqueles que acreditam se tratar de uma pessoa real.

Neste primeiro volume estão os primeiros contos curtos escritos após o excelente "um estudo em vermelho". Todas as características básicas que criaram o esteriótipo do detetive estão aqui. Sua capacidade de enxergar o óbvio como ninguém mais e de notar aquilo que ninguém mais notou. Seu humor ácido e imprevisível com traços que beiram comummente uma profunda depressão.

Leia tentando enxergar além e talvez você chegue perto das soluções.

Arthur Conan Doyle consegue criar histórias envolventes e detalhadas sem necessidade do uso de um vocabulário rebuscado. Sendo  assim a obra é recomendada para todos, independente do nível de português.

Todos os contos são muito bons e num altíssimo nível, ficando até mesmo difícil indicar um favorito. Leia todos. Sherlock Holmes faz parte daqueles clássicos obrigatórios que toda pessoa deveria ler pele menos uma vez na vida.

Avaliado com 5 estrelas de 5 possíveis. Simplesmente perfeito!
Postar um comentário